Sábado, 24 de Novembro de 2012

don't forget your first love

 

Tumblr_maw6t7dgax1r5jgleo1_400_large

 

Ambos fizeram promessas demasiado ilusórias, incluindo a palavra "sempre" e o "nunca". Pronunciaram palavras que lhes iludia os sentidos e cegava os seus corações; criaram diversos planos, num futuro longínquo, mas com a particularidade de ser uma história escrita na 1ª pessoa do plural, um "nós", envolvendo dois protagonistas, um ele e uma ela. Um primeiro amor, com idade prematura, mas que conseguiu deixar memórias, que nos fazem derramar lágrimas em momentos de pura nostalgia. O tempo encarregou-se de separar os seus corpos mas as suas mentes mantinham-se interligadas, juntamente com uma cicatriz no coração.

Ela encontra-se pálida, uma marca do tempo decorrido, olhos vazios a acompanhar os seus cabelos sem vida e eriçados. Agora era apenas uma deformidade do solo, vítima de um sofrimento demasiado grande para o seu corpo débil e frágil (...)

Ele regressara, anos mais tarde, à sua terra natal, procurando a sua amada, aquela rapariga de olhos cheios de sol que preenchiam as suas memórias dos tempos de inocência. Tinha o desejo de a designar "sua", novamente, pois, simplesmente, não se conseguia esquecer do seu primeiro amor. Quando descobriu o que sucedeu, a dura realidade, após um ato deliberado, pôs fim à sua vida numa tentativa de recompensa à que havia tirado.

Ela morreu por amor e ele de arrependimento.

publicado por InêsGonzalez às 17:56
link do post | favorito (1)
De Emy a 24 de Novembro de 2012 às 21:26
é mesmo :')
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

.Fevereiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. m

. dark place

. quero-te...

. simplesmente, tu...

. conselho do dia

. vintage

. photo :. 1 mês

. só nós é que exercemos co...

. um pedaço que faz parte d...

. pintar o céu